Descubra no que você deve ficar de olho no RH em 2020!

2 semanas atrás - por: Aline Paz

Compartilhe:

Vivemos em um mundo de constantes mudanças. Hoje em dia, essas mudanças se apresentam de forma exponencial e cada vez mais aceleradas. A tecnologia chegou para ficar e a inovação se torna necessária em nosso mercado volátil. Diferente do que muitos imaginam, as mudanças estão alcançando a área de Recursos Humanos. E isso é ótimo!

Se queremos ter voz ativa dentro das organizações, se queremos receber investimentos, não podemos mais ser uma área meramente burocrática: devemos ser estratégicos e demonstrar resultado. Mas, para isso, você tem que ficar atento às maiores tendências de RH para 2020!

Quais são as maiores tendências de RH para 2020?

1. RETENÇÃO DE TALENTOS

O alto turnover é motivo de alerta. As empresas mais potentes no mercado, já perceberam que precisam desenvolver estratégias para reter seus talentos. Para fazer isso, você também precisa começar identificando quem faz a diferença dentro da sua empresa.

Você sabe quais são os profissionais que mais entregam resultado, nas diferentes áreas do negócio? Você sabe quais são os profissionais que mais geram lucro? Você sabe quais são os profissionais que, de forma alguma, poderão perder para a concorrência? Se não sabe, aqui vai minha primeira dica: busque ferramentas para descobrir e torne essa uma de suas prioridades.

Reter bons profissionais diminui gastos com longos processos de recrutamento, investimentos em capacitações e treinamentos e, claro, o tempo “perdido” em que o profissional ainda está se adaptando com o local, atividades e cultura, sem contar os gastos com demissões. Se você for colocar tudo isso na calculadora, vai ver o quanto a retenção é importante.

2. MILLENIALS

A expectativa é que, agora em 2020, 50% da nossa força de trabalho seja milenar. Em 2025, essa taxa aumenta para 75%. E por que isso é importante? Os Millenials possuem expectativas de carreira diferentes das que o mercado estava acostumado. Algumas pesquisas feitas pelo LinkedIn mostram que, para eles, o aprendizado e o desenvolvimento são cruciais. A busca por propósito também é uma marca registrada da geração que visa conectar seus objetivos de vida com o trabalho e a carreira.

Segunda dica: busque o propósito da sua empresa. Invista em planejamento estratégico e divulgue a missão, cultura e valores da organização para os colaboradores e para os candidatos (isso pode ser um grande propulsor dos seus processos seletivos). Desafie e desenvolva seus profissionais e encontre formas de incorporar essa nova força de trabalho que está chegando para ficar.

3. TRANSPARÊNCIA

Você já pensou em incorporar essa característica às relações dentro da empresa em que você trabalha? Pois pense. Os profissionais estão buscando relações transparentes dentro do seu ambiente de trabalho, principalmente com suas lideranças. Devemos esclarecer quais são as perspectivas de desenvolvimento, de carreira, quais são os objetivos macro do negócio e quais são os objetivos micro dentro dos times. Já passou o tempo de diretorias que faziam reuniões sigilosas com seus gestores e com o RH, que não transmitiam resultados e metas, somente tarefas. Para engajar e motivar, seu corpo de colaboradores precisa saber aonde o negócio almeja chegar, dessa forma saberá como contribuir.

Além de ser um propagador da transparência, o RH precisa viver a transparência também. Os profissionais precisam de feedbacks, retornos e informações cruciais que somente o Recursos Humanos pode fornecer.

4. EMPLOYEE EXPERIENCE

Qual a experiência que você tem proporcionado aos seus colaboradores? A Employee Experience nada mais é do que todas as experiências que o profissional vivencia relacionadas à organização. A experiência positiva tem um forte poder em motivar, engajar, conectar as pessoas e diminuir níveis de estresse. E, claro, tudo isso contribui para que se produza mais e melhor. Sendo assim, de que forma você pode contribuir para que seus colaboradores tenham mais vivências positivas e aliviem o estresse?

O investimento em salas de descompressão, de lazer e descanso, projetos de integração, happy hours, comemorações por objetivos atingidos, entre diversos outros, deve ser um ponto de atenção dentro de sua empresa nos próximos anos e é uma tendência de RH para 2020. Eu tenho certeza que você irá notar os resultados. Mas não esqueça: a experiência dos seus colaboradores deve estar conectada com o que é importante para eles. De nada adianta colocar uma mesa de sinuca em uma empresa que ninguém sabe como jogar.

5. FLEXIBILIDADE

É fato: o benefício mais desejado no trabalho será o tempo. O RH precisa buscar e se munir de tecnologias que viabilizem flexibilizações de rotina, visto que o trabalho remoto e horários de trabalho flexíveis estão dentro das maiores pedidas para os próximos anos. Digo mais: dependendo do ramo da sua empresa, esse benefício já pode ser um pré-requisito na hora de um candidato escolher a sua vaga. Apesar da vida pessoal e do trabalho estarem cada vez mais conectados, a saúde mental no trabalho gera grandes discussões.

Perfil comportamental: o guia completo para sua empresaPowered by Rock Convert
PDA-vs-discPowered by Rock Convert

Por isso, patologias foram incluídas no DSM e CID visando prevenir e tratar de disfunções relacionadas ao estresse elevado nesses ambientes. Com toda essa conscientização, a tendência é que nos próximos anos a pedida por jornadas de trabalho menores e menos estratificadas aumente. Nós sabemos que os atestados e doenças (frequentemente oriundas de estresse elevado) têm afastado os profissionais da produtividade e das empresas. Então, repense os benefícios da sua organização e foque no que auxiliará seus profissionais a se sentirem motivados e saudáveis!

6. MINDSET TECNOLÓGICO

Esse item você pode deixar de fundo de tela do seu computador, pode anotar no post it e deixar no local mais visível do seu ambiente de trabalho. Já chegou a hora do seu RH virar a chave e se tornar um potencializador do mindset tecnológico na empresa. Não faz mais sentido segregarmos a tecnologia. Ela está em todos os cantos, a todos os momentos. Se você quer disparar na frente da concorrência, precisa inovar e criar formas mais tecnológicas de entregar seu serviço. Isso não é diferente na Gestão de Pessoas!

Já existem diversas possibilidades já disponíveis no mercado para você começar a se experimentar em 2020. Já foram desenvolvidas plataformas que otimizam triagem de currículos, recrutamento de candidatos, agendamento de entrevistas, feedbacks pós entrevistas, análise de soft skills, treinamentos, pesquisas de clima, entre muitas outras! Eu tenho certeza que depois que você criar esse mindset, verá o quando essa tendência de RH pode facilitar o seu dia a dia.

7. PEOPLE ANALYTICS

Quando a tecnologia se torna uma aliada do RH, você consegue fazer algo mágico: a análise de dados dos colaboradores. Não só o absenteísmo, turnover, ou salário; agora você pode (e deve) começar a metrificar o engajamento, motivação, a compatibilidade com o perfil do cargo/vaga e o desenvolvimento da liderança. Sim! Isso pode ser transposto em dados. Você poderá apresentar para diretoria da sua empresa dados numéricos e as suas escolhas, quanto à gestão de pessoas, não precisarão ser baseadas no feeling! Você terá um  embasamento para isso. A assertividade das suas escolhas, será cada vez maior. 

8. INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

A discussão era se a inteligência artificial iria sobrepor a inteligência humana, né? Pois não vai. Depois da sua implementação no mercado, ficou claro o ganho de softwares desse tipo: minimizar o trabalho burocrático. Ou seja, você, como RH, pode utilizar a inteligência artificial para minimizar a carga de trabalho braçal acumulado e ocupar o seu tempo elaborando estratégias que só o seu pensamento humano pode desenvolver.

9. GAMIFICAÇÃO

Diversos estudos comprovaram o quanto estratégias semelhantes a jogos podem impulsionar resultado. A gente consegue ver claramente esse tipo de estratégias em aplicativos do nosso dia a dia, por exemplo os que utilizamos para a locomoção. Depois que você faz um número de corridas, você ganha “x” benefícios. Isso impulsiona o cliente a se fidelizar e ter uma experiência positiva com a empresa. Agora, virou tendência para os próximos anos utilizar esse tipo de estratégia gamificada para a gestão de pessoas!

Com isso, muitas empresas e consultorias inclusive, estão entregando esse tipo de trabalho. A gamificação é uma forte tendência de RH e pode ser utilizada em programas de desenvolvimento de colaboradores (os PDIs), pode ser utilizada em seleções, pode ser utilizada para momentos de integração e o céu é o limite. Pense como você pode desafiar e motivar constantemente seus colaboradores ou candidatos por meio de reforços positivos. Isso pode ser um dos grandes diferenciadores do seu RH, nos próximos anos.

10. COACHING E MENTORING

Você provavelmente já deve ter visto aquelas imagens que diferenciam um “chefe” de um “líder”, né? Discussões sobre lideranças foram extensivamente realizadas nos últimos anos. E que bom! Realmente precisamos pensar como desenvolver nossos líderes e como fomentar lideranças cada vez mais saudáveis e rentáveis. Cerca de 80% das pessoas não abandonam as empresas, abandonam seus líderes. Isso é muito significativo.

Como tendência de RH em 2020 e nos próximos anos, o líder almejado será aquele que conseguir assumir uma postura de coach e mentor para o seu time. A partir de agora, você deve focar em desenvolver sua liderança para assumir esse papel, alinhando a cultura e objetivos da sua empresa.

11. TRABALHADOR HOLÍSTICO

Sabe aquele tipo de profissional que todas as empresas querem? É este. E é ele que você deve buscar nos seus processos seletivos. Pode ser definido como aquele que exerce um papel significativo para influenciar a mudança dentro da empresa. Logo, é aquele profissional que entende que o trabalho pode ser recompensador e gratificante e que, ao realizar suas atividades, fez contribuições não somente para a organização, mas, também, para a sociedade como um todo. Sendo assim, não vê um limite claro que distancia seu trabalho da vida pessoal.

Seu trabalho é uma forte forma de realização na sua vida. Ele escolhe as organizações com um senso de propósito muito bem definido e disposto a impactar positivamente a sociedade. Essa foi uma figura detectada a partir de um estudo realizado com 220 experts e líderes corporativos da América do Norte, Ásia e Europa. Então, será que sua empresa está preparada para captar e reter profissionais assim? Se não tiver, reveja os tópicos acima!

Gostou? Deixe seus comentários. Quero saber o que você pensa dessas tendências e como planeja inseri-las no seu RH em 2020. 

 

como implementar o People Analytics no RH da sua empresaPowered by Rock Convert
Tudo que você precisa saber sobre resiliênciaPowered by Rock Convert

Por: Aline Paz

Analista de Customer Success, psicóloga, amante de estratégias e Gestão de Pessoas. Seu propósito é facilitar o olhar para a saúde mental, dentro dos ambientes de trabalho.

posts do autor

Junte-se a nós e receba conteúdos e dicas incríveis para ter sucesso em seus negócios